Início Paróquia A 6 de maio. Imagem Peregrina de Nossa Senhora esteve em Amor

A 6 de maio. Imagem Peregrina de Nossa Senhora esteve em Amor

Por
150
0

Numa iniciativa que começou em maio de 2015 e que pretende assinalar o Centenário das Aparições a ocorrer em 2017, a Imagem Peregrina de Nossa Senhora está a passar por todas as dioceses de Portugal. A nossa paróquia, como é natural, está também neste itinerário e fez os preparativos para, no dia 6 de maio, receber a efígie da Virgem Maria e assinalar condignamente a efeméride.

A Imagem Peregrina chegou às 18h30, trazida pela paróquia vizinha de Regueira de Pontes, e foi recebida no largo em frente à Junta de Freguesia. Aí, o padre Isidro fez o discurso de acolhimento acompanhado com cântico, após o qual foi feita a procissão até à igreja matriz. Para o tempo em que a Imagem esteve na igreja, foi preparado um guião celebrativo que integrou a recitação do terço de forma contemplada. Às 20h30, foi a vez da paróquia da Ortigosa continuar o périplo, pelo que uma comitiva de Amor acompanhou Nossa Senhora e entregou-a no adro.

Na organização deste evento foram mobilizados diversos dinamismos paroquiais, desde o Conselho Pastoral Paroquial, passando pelo Coro de São Paulo, o Agrupamento 1166 de Escuteiros, entre outros. Pretendeu-se envolver o máximo número de pessoas possível, pelo que todos os paroquianos foram convidados a participar de forma activa e festiva. De forma especial, pediu-se às crianças que frequentam a catequese, que estivessem presentes, sobretudo no acolhimento.

O padre Carlos Cabecinhas, reitor do Santuário de Fátima, entende que “esta celebração do Centenário é um “tempo favorável”, que o Senhor nos concede viver, para revitalizar a nossa vivência de fé, uma vez que não pretende assinalar simplesmente uma efeméride histórica, mas tornar-se veículo de evangelização e caminho para a conversão e para o encontro com Cristo, por meio de Maria”. Explica ainda o contexto em que surge esta iniciativa da peregrinação da imagem de Nossa Senhora de Fátima pelas dioceses portuguesas: “pretendemos envolver todas as dioceses portuguesas na celebração do Centenário das Aparições, mas também ajudar as comunidades eclesiais a viver a mensagem e a espiritualidade de Fátima”. O reitor deixa ainda um desejo: “que esta grande peregrinação da imagem de Nossa Senhora seja uma forte experiência de fé, através das celebrações, momentos de oração e expressões de piedade popular”.

Fotogaleria aqui >>

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here