Início Efemérides Dia da mãe, do enfermeiro e da enfermeira parteira!

Dia da mãe, do enfermeiro e da enfermeira parteira!

Por
348
0

Sou mãe, enfermeira…e mais ainda… enfermeira parteira. E mais ainda: mãe adotiva!

Porquê enfermagem?

Em determinado momento da nossa vida questionamo-nos com o seguinte: “o que gostaria eu de fazer a nível profissional?”

Tinha então já percorrido onze anos de escutismo no 668-Pedrulha, Coimbra, e a frase que mais me marcava era: “deixa o mundo um pouco melhor do que o encontraste”. Logo percebi, que tinha de fazer algo em prol do bem estar dos outros. Essa era a paixão que me movia. Enfermagem estava então no meu horizonte!

Mais tarde e após a verdadeira perceção da maternidade…a especialização, e hoje…enfermeira parteira. A paixão completava-se. Estar junto de alguém e poder dar a nossa ajuda…é excelente, e esse “estar”: contribuir para mais um choro, uma vida, uma família…é extraordinário!

Contudo percebi, que maternidade não se resume à gravidez, nem tão pouco ao parto.

Ser mãe da Bárbara foi o concretizar de um dos sonhos de ser mulher, de ser esposa. Ser mãe do João, foi o completar desse mesmo sonho, até que um dia, me confrontaram acerca da questão de adotar uma criança, um irmão.

Orgulhosamente senti que tinha transmitido com eficácia a capacidade da partilha, o tal “deixar o mundo um pouco melhor”, mas também percebi que tinha medo do risco, receio de não conseguir amar quem não senti dentro de mim e não ouvi o bater ainda “in útero”.

E arrisquei, pois quem não arrisca, jamais vencerá.

E o Luís nasceu nas nossas vidas.

Ser mãe do Luís é acima de tudo, perceber que a nossa capacidade de amar é imensurável. Que não se resume a sentir o “pontapé” na barriga; que não se traduz no ouvir do coração a bater; que não se revela na dor do parto.

Sair de casa para fazer o que verdadeiramente amo; regressar, e ter vários braços a envolverem-me com amor…que mais podemos querer? Sou eu, Elisabete Palma, residente na freguesia…também de Amor!

Texto por Elisabete Palma, enfermeira-parteira

Partilhar
Artigo anteriorPerigo constante
Próximo artigo… de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas
Escrito por:

AmorMais

O AmorMais é o mensário da freguesia de Amor. Criado no âmbito da Associação de Desenvolvimento Amormais, este projecto, sem fins lucrativos, congrega as sinergias da Freguesia através da sua rede de colaboradores, contribuindo para o seu dinamismo e comunicação. | Mais sobre o autor...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here