Início Editorial Editorial (Agosto.2016)

Editorial (Agosto.2016)

Por
131
0

“E finalmente chegou o verão!”

Depois de dias chuvosos, um pouco tardiamente, chega o calor que nos envolve e o corpo começa a pedir descanso. Coloca-se a rotina de lado. É tempo de férias e há que saber festejar.

A época do verão traz sempre consigo a vontade de festejar e, na freguesia de Amor, festividades de caráter religioso e profano são uma constante nesta altura do ano.

No passado mês de julho tivemos dois grandes eventos: um de caráter religioso, a festa em honra de Nossa Senhora de Fátima em Casal dos Claros e Coucinheira, que este ano foi agraciada com a vitória dos nossos Campeões Europeus e outro de caráter profano, a festa do primeiro aniversário da Associação AmorMais (associação esta responsável pelas oito edições produzidas deste jornal e pela organização bienal do Festival D’Amor). Relativamente a este último evento será importante salientar a ajuda prestada pela Associação Desportiva e Recreativa dos Barreiros, pelo Grupo Desportivo do Casal Novo, pelo Grupo Desportivo, Recreativo e Cultural Unidos e muitos outros que por lá passaram. A todos eles o nosso muito obrigado pelo trabalho de equipa prestado, que nos demonstrou que a nossa freguesia está ativa e muito mais unida.

Durante este mês de agosto as festividades irão estar ao rubro, começando com o GD do Casal Novo no primeiro fim-de-semana, o GDRC Unidos do Casal e Coucinheira no segundo e a festa em honra de S. Paulo no terceiro. Há que aproveitar todas as oportunidades de lazer que nos são propostas, pois já diziam os entendidos “estar sempre alegre é a melhor forma de resolver os problemas da vida”.

Neste espírito de férias e festejo, aproveitamos para dar a as boas vindas a todos aqueles que, tendo na freguesia de Amor suas raízes e se encontram espalhados pelo mundo, escolhem esta época para regressar às suas origens.

Resta-nos desejar a toda a comunidade de Amor boas férias e boas festas de partilha entre familiares e amigos, pois é importante saber festejar, mas, sobretudo descansar, restabelecendo forças para encarar novos objetivos e desafios vindouros.

Texto por Amorim Alves, Presidente da Amor Mais – Associação de solidariedade e desenvolvimento de Amor.

Partilhar
Artigo anteriorEdição 8 (Ago.2016)
Próximo artigoSangria de Espumante
Escrito por:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here