Início Desporto Rúben Martins: Estrela em ascensão!

Rúben Martins: Estrela em ascensão!

Por
811
0
Apresentação de Ruben Martins aos adeptos do Mortágua FC

Ruben Martins, 22 anos e natural da localidade de Barreiros, joga actualmente no Mortágua Futebol Clube (distrito de Viseu), clube semi profissional que ocupa, neste momento, a segunda posição do Campeonato de Portugal Prio Manutenção Série D, tendo também participado na Taça de Portugal, até à 2ª eliminatória.

“Tudo começou quando tinha 5 anos quando o meu pai, que também jogava futebol, me inscreveu nas escolas do Sport Clube Leiria e Marrazes, clube no qual completei todos os escalões.” Depois de 13 épocas no clube dos Marrazes, Ruben ingressou na equipa do Pombal (durante 2 épocas), começando assim a sua carreira no campeonato nacional e como jogador semi profissional. Na época 2015/16 é convidado a fazer parte da equipa do Sertanense, clube no qual apenas viria a ficar meia época, pois o novo treinador não apostou muito em si. Rapidamente Ruben descobre o interesse do Mortágua F.C. fazendo com que estes e o seu actual clube chegassem a um acordo para contar com o extremo esquerdo já na segunda metade da época.

Para além de ser sempre o melhor marcador nos clubes que tem representado, a nível de títulos como sénior, o jovem amorense já conta no seu palmarés com 1 Campeonato da Divisão de Honra, 2 Taças Distritais e 1 Supertaça Distrital.

Apesar de ter como objectivo principal a carreira de jogador profissional, Ruben Martins está actualmente no terceiro e último ano da licenciatura de Desporto e Lazer na Escola Superior de Educação de Coimbra, como forma de precaver o futuro.

Em relação ao campeonato principal de Portugal, como grande sportinguista que é, Ruben acredita firmemente que o seu clube de coração tem todas as capacidades para este ano ser campeão nacional: ”O Sporting está a fazer uma época muito boa, ninguém o pode negar. Agora só têm que ganhar jogo a jogo e esperar pelo mínimo deslize do adversário directo.”

“A partir dos meus primeiros jogos, comecei a ganhar um gosto enorme pelo futebol e nunca mais parei”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here